quinta-feira, 26 de abril de 2018

O Irreal Prazer

Olá, Pessoal!
Deixo-vos aqui o meu segundo texto para o Desafio dos Sete Pecados Capitais: a Luxúria.

AVISO: Esta é a segunda parte de uma série de sete pequenos textos com início, meio e fim.

O Irreal Prazer

Laura sorriu ao sentir dedos masculinos a colocarem-lhe um colar com a inicial "R" no seu pescoço. O rapaz ofereceu-lhe um presente. Um lindo colar com a sua inicial. Um R. De Rafael.
O Rafael tinha convidado a Laura dias depois pelas redes sociais para um jantar. A jovem estava realmente surpreendida e ansiosa. Nada falou à amiga Vitória depois da pequena discussão que as duas tiveram nas redes sociais.
Deixou-se ser levada de automóvel até casa dele e ambos se deslocaram até ao quarto dele.
Calmamente, ele admirou a sua companheira. Estava linda com um longo vestido preto.
Ele puxou-a para perto dele e ela, de forma automática, deslocou as suas mãos pelos ombros dele. Não estava nervosa. Estava ansiosa. Por muito tempo esperava por isso.
Os lábios deles tocaram-se. Ela sentiu uma onda de energia passar pelo seu corpo, enquanto sentia as mãos másculas dele passarem pelas suas costas e abrirem-lhe o vestido de forma lenta. Ela sentiu-se nua em alguns segundos. Estavam menos de quinze graus na rua, mas, dentro do quarto, Laura sentiu-se a ferver. Deveria ter ficado gelada, comparando aos dias frios no seu quarto em que se ficasse com um pé de fora já sentia um frio apoderar-se dela, contudo naquele quarto ela sentia-se quente.
Eles afastaram-se por alguns centímetros e o vestido dela caiu até aos pés. Ele sorriu para ela e sussurrou-lhe um "linda".
Ela não podia acreditar que ele tinha a beijado. Era um sonho. Não era real.
Ele encaminhou-a até à cama e deitou-a. Ele ficou por cima dela, apoiando-se num dos braços para não a magoar com o seu peso.
Beijaram-se novamente. Ela levou os seus braços até à bainha da camisa dele e levantou-a.
Um toque de despertador começou a soar. Uma mão foi até ao objecto, desligando-o.
O que tinha acabado de acontecer? Era de noite.
Não, não era. Tinha sido. Agora era manhã e hora da Laura levantar-se da cama. A sua cama. Tinha sido um sonho. Tinha sido tudo irreal.
Ela tinha apenas sonhado com a sua paixão durante o seu sono.
Laura respirou fundo, desiludida. Parecia tudo tão real.

Os próximos pecados capitais serão postados amanhã.

Espero que tenham gostado destes dois primeiros!

A Gota de Água

Olá, Pessoal!
Deixo-vos aqui o meu primeiro texto para o Desafio dos Sete Pecados Capitais: A Ira.

AVISO: Esta é a primeira parte de uma série de sete pequenos textos com início, meio e fim.

A Gota de Água

As duas amigas Vitória e Laura conversavam numa rede social. Não tinham capacidade para conversarem pessoalmente devido aos seus trabalhos que lhes retiravam muito tempo.
A Vitória era uma jovem desinibida, aventureira, criativa e animada. Já Laura era mais pessimista, arrogante, antipática, causando alguns problemas e discórdias entre amigos.
As duas amigas sabiam que eram muito diferentes. Vitória adorava o facto de ser muito diferente de Laura. Adorava o mau génio da amiga. Eram opostos, mas tinham uma boa relação de amizade.
A Vitória nunca foi uma jovem de muitas paixões, já a Laura teve algumas relações falhadas. Recentemente, Laura apaixonou-se por um antigo colega de escola delas que anda na mesma faculdade que a jovem antipática. Vitória conhecia o rapaz pessoalmente e sempre fazia questão de brincar com a amiga, que nunca achava piada nenhuma ao que Vitória fazia e dizia.
Vitória tinha a paixão de Laura como amigo nas suas redes sociais e sempre dizia à amiga que iria revelar-lhe a paixão que a jovem tinha por ele. Porém, naquele dia, foi a "gota de água" para Laura. Ela estava chateada com as brincadeiras da amiga e a conversa que aconteceu naquela rede social não terminou bem.
– Falei com o Rafael sobre a tua paixão por ele.
– Tu não fizeste isso. – Respondeu-lhe a jovem – Tu sabes que eu não gosto nada dessas coisas, Vitória.
– Eu sei que não, mas alguém tinha que te ajudar.
– Eu não quero ser ajudada! Espero sinceramente que seja uma brincadeira porque se ele amanhã me vier dizer coisas, eu juro que vou vingar-me.
No lado de lá da ecrã do computador, Vitória fez um ar de surpresa.
– Foi uma brincadeira, Laura. – Escreveu – Mas estás a ter uma paixão por ele há algum tempo.
– Deixa a minha paixão em paz se não queres que eu me irrite a sério. Se ele desaparecesse da cidade, era melhor.
A Vitória muda de expressão facial e começa a rir.
– Se ele não deixar a cidade é porque gosta de ti.
– Deixa-te de histórias! Se voltas a tocar nesse assunto, ou a dizer a ele o que quer que seja, eu sou capaz de bater-lhe só para desmentir o que lhe disseste.
A Vitória regressa ao seu ar de espanto. Decidiu terminar a conversa com a amiga, inventando uma desculpa e desligando-lhe o chat, porém continuando na rede social.

O segundo pecado capital será postado daqui a pouco!

quarta-feira, 25 de abril de 2018

Desafio Se7e Pecados Capitais

Olá, Pessoal!
Há um novo desafio da página Ficwriter Facts (tal como tinha falado em posts anteriores).
Desta vez temos que escrever textos sobre os sete pecados capitais.

Créditos: Ficwriter Facts
Durante x dias, temos que escrever sobre cada pecado capital. Os pecados capitais que já inspiraram filmes, séries e livros.
Durou dois meses, começou no dia 1 de Março e acabou no dia 30 de Abril.

Regras:
- Não vale histórias postadas antes do dia 2 de Março;
- Sem plágio;
- Só serão consideradas participantes do desafio histórias postadas entre 2 de Março e 30 de Abril.
- Vale histórias de qualquer tipo.
- Vencedores irão ganhar um mimo;
- Serão considerados vencedores todos aqueles que participarem de todas as etapas do desafio, ou seja: até ao dia 30 de Abril tenham escrito sobre os sete temas na ordem de divulgação da página;
- Os capítulos podem ser contínuos (contando a mesma história) ou uma colectânea de ones;

Agora a pergunta que não quer calar: 
Porque razão não informei isto mais cedo? 
Porque estou a fazer capítulos contínuos e não sabia como isto iria terminar.

Irei postar o que fiz a partir de amanhã.

segunda-feira, 23 de abril de 2018

Dia Mundial do Livro

Olá, Pessoal!
Hoje, dia 23 de Abril, é o dia Mundial do Livro e eu decidi fazer uma pequena publicidade ao meu segundo livro neste dia!


Quem ainda não tiver o livro, aqui tem os links onde pode adquirir:

Chiado Editora
Wook
Bertrand Livreiros
Saraiva

Os livros também se encontram no Skoob e no Goodreads:

Skoob
Goodreads

Boas leituras!

sexta-feira, 20 de abril de 2018

Nova resenha/opinião do livro Encontro com o Passado

Olá, Pessoal!

O blogue Gothic Clare fez uma opinião do livro "Encontro com o Passado".


Obrigada pela opinião!

Para lerem é só clicarem: AQUI.

Beijos.

domingo, 1 de abril de 2018

Boa Páscoa

Olá, Pessoal!
Vim desejar-vos uma Boa Páscoa, mesmo estando desaparecida nestes últimos dias.

Só para avisar que estou a preparar sete posts sobre o novo desafio que já tinha falado no post anterior (mais detalhes num post novo a sair ainda este mês).

Porém, por enquanto, desejo-vos uma Boa Páscoa!

Retirado do Google
Até breve!