sábado, 20 de maio de 2017

Um Inverno Festivo

Informações:
- Para o Desafio de Maio;
- Título: Um Inverno Festivo


2 de Janeiro de 2014

Lisboa, Portugal


Hoje escrevo-te porque fiz uma pausa nos estudos devido à época festiva. Aí deve estar um calor insuportável. Aqui está um frio insuportável. Mas acho que vou habituar-me depressa a conviver com o frio nesta altura do ano. Acho que estar no inverno na altura do Natal é mágico, diferente do Brasil em que as pessoas passam a passagem do ano nas praias. Acho que em Portugal é tudo mais brilhante e diferente. Os noticiários passam notícias de que as crianças na Serra da Estrela estão a criar bonecos de neve. São brincadeiras que nunca pensei ver. No Brasil é completamente impossível ver isto acontecer.
Acho que é melhor ter inverno no Natal que o verão. Sabe melhor estar no calor dos cobertores e com pantufas numa noite de frio à espera pelo pai natal do que estar um calor infernal e estarmos na piscina de casa a ver se o "papai noel" vai chegar com os presentes.
Também tem mais uma coisa boa termos o inverno no Natal. Em Portugal, o ano letivo não termina em Dezembro, ou seja, se o ano escolar correr mal temos mais uns meses para melhorar, diferente do Brasil em que o estudante fica logo com o Natal completamente estragado.
Em Lisboa não costuma haver muita neve, mas, neste ano, parece que São Pedro pensou em mim e fez o cidade nevar (nem que fosse por um bocadinho). Gostavas de ter visto a minha cara! Parecia uma criança a ver neve pela primeira vez (não que fosse mentira)!
Claro que o inverno tem as suas desvantagens (não iria apenas falar-te das coisas boas, senão irias querer viver no hemisfério norte para sempre). Uns dias antes do Natal apanhei uma gripe em que tive que ficar de cama. Perdi algumas aulas, mas o melhor é que já estou como nova. Não te escrevi nessa altura a avisar porque até os olhos me doíam. Em Lisboa, as temperaturas rondavam menos de dez graus. Ainda hoje não subiram e não devem subir até à próxima semana. Está realmente muito frio.
Recebi no Natal um livro que faz todo o sentido ler nesta estação do ano. Tem o nome de "O Boneco de Neve" e é do autor norueguês Jo Nesbø. O livro é de policial e é passado na fria e pálida Noruega (deu para entender a semelhança, mesmo que a Noruega seja um país mais frio que Portugal). Ainda não comecei a lê-lo, mas pretendo fazê-lo em breve enquanto o inverno continua (se a faculdade me deixar).
E com isto me despeço porque tenho que estudar.
Até breve!

- Mais uma continuação das duas cartas anteriores que fiz para o Desafio deste mês. Vejam as datas para entenderem melhor!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Obrigada pelo comentário, a sua opinião é importante para o escritor.